Porque o cuspe é repugnante!!!

Sombra horizontal g
  • 25/04/2016

Porque o cuspe é repugnante!!!

Wyllys

         No século XIX, o poeta judeu Heine cunhou a famosa frase “ONDE SE QUEIMAM LIVROS, ACABAM QUEIMANDO PESSOAS” denotando que a queima destrói aquilo que as pessoas representam.

Aí pergunto: cuspir em alguém, independente do motivo, não pressupõe além da negação de tudo aquilo que uma pessoa representa, a negação da própria humanidade?

Será que as pessoas se confundem com o que representam ou a humanidade presente em todas as pessoas mantém, independente de opiniões e ideologias que alguém possa ter, uma autonomia perante estas que a torna por si só digna de respeito e reconhecimento?

O cuspe em alguém reflete o desprezo do cuspidor pela pluralidade característica da humanidade bem como a arrogância daquele que acredita possuir a única forma legítima de manifestação humana (pensamentos, comportamentos, discursos).

Para o cuspidor, sua manifestação é digna de ser exaltada. Todas as outras que com ele não compactuam devem ser desprezadas não merecendo o direito de existirem no mundo. Para o idiota cuspidor, sequer são humanas. Não percebe ele que agindo assim, também se desumaniza.

 

Por Mateus Wesp