Entrevista: ex-vereador Marcos da Silva volta ao PSDB
Slogan

  • 04/05/2018

Entrevista: ex-vereador Marcos da Silva volta ao PSDB

Marcos silva

O ex-vereador Marcos da Silva, parlamentar da legislatura 2013-2016, retornou ao PSDB. Atuante em diversos segmentos da sociedade, Marcos concedeu entrevista ao site do vereador Mateus Wesp, comentando sobre sua experiência na Câmara de Vereadores de Passo Fundo, seu retorno ao partido e seus planos para o futuro político.

Equipe Mateus Wesp: Foste vereador na legislatura passada, inclusive como vice-presidente da Câmara. O que trazes de tua experiência política em teu retorno ao PSDB?

Marcos da Silva: Meu retorno se deu por intermédio do convite do vereador Mateus Wesp. Pretendo trazer ao partido a experiência que já tive de um mandato, quando fui vice-presidente no biênio 2015-2016, ganhando medalha de prata como o 2º vereador mais atuante em pesquisa realizada pelo Instituto Tiradentes de Minas Gerais. Meu eleitorado é de pessoas de bem e tenho certeza que vão participar conosco nesta retomada da caminhada no PSDB.

Equipe Mateus Wesp: Como avalias a pré-candidatura do vereador Mateus Wesp à Assembleia Legislativa?

Marcos da Silva: Mateus terá meu total apoio na pré-candidatura, pois vejo nele o mais atuante entre os vereadores hoje na Câmara de Passo Fundo. Vejo com bons olhos a pré-candidatura do Mateus, é um legislador com conhecimento e é o novo na política. Não vou medir esforços e dar total apoio ao Mateus. Tenho a certeza que Passo Fundo está ganhando e vai ganhar ainda mais com a atuação dele.

Equipe Mateus Wesp: E o que pretendes para o futuro na política?

Marcos da Silva: Hoje muitas pessoas comentam que faço falta para a Câmara. Meu mandato, tenho certeza, foi voltado para o bem coletivo, para o bem comum. O que foi bom para Passo Fundo ajudei a aprovar. Questionei o que achava que não era bom, fiz a fiscalização como um legislador deve fazer. Fiz indicações de pista preferencial na Avenida Brasil, que é uma demanda que já vem há dez anos por parte do transporte coletivo e também de táxis, ambulância, bombeiros, Brigada Militar, pois a avenida a cada dia está se tornando mais intransitável. Sim, hoje é cedo, mas eu afirmo: sou pré-candidato a vereador em 2020. Tenho certeza que as pessoas de bem querem minha volta para a Câmara.

Por
Equipe Mateus Wesp