Vereadores formam Frente Parlamentar do Esporte e apresentam projeto
Slogan

  • 16/02/2018

Vereadores formam Frente Parlamentar do Esporte e apresentam projeto para implementar Bolsa Atleta em Passo Fundo

Reuni%c3%a3o plenarinho

Assista aqui a reportagem especial sobre o projeto do Bolsa Atleta!

Os vereadores Mateus Wesp, Evandro Meireles, Betinho Toson, Rafael Colussi, Pedro Daneli e Renato Tiecher apresentaram um dos primeiros projetos de lei de 2018 na Câmara de Vereadores de Passo Fundo. Trata-se da criação do programa Bolsa Atleta, que visa auxiliar os desportistas passofundenses no início de sua trajetória profissional. O projeto prevê incentivos concedidos periodicamente para atletas que participem de competições regionais, estaduais, nacionais ou internacionais. Pela proposta, para obter o auxílio, o interessado precisa demonstrar seu vínculo com alguma entidade de prática desportiva, além de demonstrar a utilização da verba para fins de transporte, hospedagem, alimentação e inscrição em competições relacionadas ao esporte.

Ao apresentar o projeto, o vereador Wesp convidou os vereadores Daneli e Colussi para ouvirem três exemplos de atletas de Passo Fundo que galgaram sucesso nas competições em que participam.

Luís Otávio Floss, de 17 anos, foi campeão da Copa SP Light de Kart. Heitor Dall Agnol, de 8 anos, é campeão da Copa do Brasil de Kart, do Sul Brasileiro, do Paranaense, do Gaúcho e vice-campeão Brasileiro de Kart. Matheus Rocha, de 20 anos - que começou jogando no Planalto Rúgbi Clube de Passo Fundo - hoje atua pela equipe paulista de Jacareí e foi campeão brasileiro de Rúgbi, além de ser atleta da Seleção Brasileira da modalidade. Os três são passofundenses e relataram as dificuldades e obstáculos enfrentados ao iniciar nas competições esportivas.

Todos falaram da superação – pessoal e financeira – que é necessária para entrar e permanecer no mundo das competições esportivas. Matheus Rocha contou que após deixar o bairro Victor Issler para atuar em Jacareí, passou a morar no alojamento do clube e já recebeu sondagens de duas equipes portuguesas para atuar na Europa. Já Heitor e Luís Otávio afirmaram que os gastos em cada temporada são bastante expressivos, pois o kart necessita de manutenção e troca constantes de materiais como pneus, óleo e motor.

“A ideia de nosso projeto é preencher uma lacuna que fica aberta entre a fase inicial, em que o atleta recebe o apoio e patrocínio da família, e a fase em que ele já se estabilizou no mundo profissional. Além disso, teremos uma nova forma para levar a outros lugares o nome de nossa cidade, através dos desportistas que participarem do Bolsa Atleta”, declarou Mateus.

O vereador Evandro Meireles contribuiu com a proposta ao ouvir as sugestões dos adeptos do atletismo de nossa cidade, como o professor José Florenal da Silva. Já Toson recebeu as demandas dos atletas do ciclismo e do futebol amador de Passo Fundo, que contribuíram apresentando seus pedidos ao parlamentar.

A proposta irá tramitar pelas comissões da Câmara de Vereadores para depois ser votada em plenário.

Por
Equipe Mateus Wesp